Desafios e Soluções na Condução de Treinamentos sobre Privacidade Corporativa

Desafios e Soluções na Condução de Treinamentos sobre Privacidade Corporativa

A partir da vigência da LGPD, treinamentos in company ganharam relevância e importância, por se tratar de uma das medidas técnicas e administrativas necessárias para estar em conformidade com a LGPD. No entanto, muitas vezes, esses treinamentos falham em gerar engajamento dos funcionários devido a uma série de erros comuns. Identificar esses erros é o primeiro passo para corrigi-los e fortalecer a postura de segurança da sua organização.

  1. Abordagem Genérica: Treinamentos de privacidade e proteção de dados genéricos não adaptados à política específica da empresa podem ignorar diretrizes e procedimentos exclusivos da organização.
  2. Falta de Envolvimento da Alta Direção: Quando a alta direção não está envolvida no processo de treinamento, os funcionários podem não perceber a importância da conformidade com as políticas de privacidade e proteção de dados e se sentir desmotivados e menos propensos a aderir às políticas.
  3. Ausência de Atualização: As leis e regulamentos de privacidade e proteção de dados estão em constante evolução. Treinamentos desatualizados podem deixar os funcionários incapazes de entender suas responsabilidades legais sob legislações recentes, como a Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD).
  4. Foco Exclusivo em Aspectos Técnicos: Embora a tecnologia desempenhe um papel crucial na proteção de dados, os treinamentos não devem se limitar a aspectos técnicos. Treinamentos que se concentram apenas em ferramentas de segurança cibernética podem negligenciar a importância da conscientização dos funcionários e da ética no tratamento de dados pessoais.
  5. Falta de Avaliação de Compreensão: Simplesmente fornecer treinamento não garante que os funcionários estejam internalizando as informações. Treinamentos que não incluem testes de conhecimento podem levar a mal-entendidos e práticas inadequadas no manuseio de dados sensíveis.

Ao identificar e corrigir esses erros comuns, as empresas podem fortalecer sua postura de privacidade e proteção de dados, reduzindo o risco de violações e construindo confiança com seus clientes.